L'OFFICIEL BRASIL

Humanizando VUITTON

Louis Vuitton não teve uma vida fácil. Antes de se especializar na produção de baús e fundar a empresa que se tornaria a gigante de moda atual, o francês nascido em 1821 atravessou périplos que dariam um livro épico. Agora, entre as comemorações de seus 200 anos programadas pela maison, essa história vem à tona com L’Audacieux, publicado em inglês e francês pela editora Gallimard.

Nascido em Jura, região da França perto da fronteira com a Suíça, o menino Louis viu a vida familiar ruir depois do falecimento da mãe e da chegada de uma madrasta que atacava ele e seus irmãos. Aos 14 anos, fugiu de casa e atravessou o país durante dois anos até chegar à caótica Paris da época. Seu ponto de virada aconteceu ao ser adotado profissionalmente por Romain Maréchal, embalador e fabricante de malas e baús da elite da capital, que treinou o garoto na nova profissão e o introduziu a Eugénie de Montijo, a primeira e mais fiel cliente de Vuitton, que se tornaria imperatriz da França. Foi dela o grande impulso para que o francês assumisse carreira-solo e fundasse, em 1854, a empresa que seria

You’re reading a preview, subscribe to read more.

More from L'OFFICIEL BRASIL

L'OFFICIEL BRASIL1 min read
Base ALIADA
California Kissin’ BENEFIT. Lip Balm hidratante com ácido hialurônico, manteiga de manga e óleo de semente de bucha. Ótimo para ser aplicado com leves batidinhas dos dedos, para efeito esfumado. R$135 ■
L'OFFICIEL BRASIL1 min read
Editorial
Perguntado sobre por que as pessoas almejam a beleza física, Aristóteles teria respondido: “Ninguém que não é cego faria essa pergunta”. Impressionante como a resposta do filósofo grego continua pertinente até hoje. Sempre em ebulição, a noção do que
L'OFFICIEL BRASIL2 min read
O Impossível Se Tornou Possível
Uma rotina minimalista de cuidados com a pele é tendência forte no mercado de skincare, assim como a combinação de ativos para resultados sinérgicos e potencializados. No entanto, a interação de alguns ingredientes consagrados não permitia que fossem