L'OFFICIEL BRASIL

LOVE letter

Quando Giorgio Armani criou a linha de alta-costura, em 2005, escolheu o nome Privé no sentido de raro, um privilégio pessoal, traduzido em silhuetas sofisticadas, tecidos luxuosos e habilidade artesanal. Isso aparece na elegância atemporal que envelopa o universo idealizado pelo designer italiano que, aos 86 anos, é uma das vozes mais coerentes e críticas do sistema da moda contemporânea. “Deveria operar em uma escala mais humana, promovendo a criatividade e as boas práticas”, explicou ele à L’Officiel após a apresentação da couture verão 2021.

ESTA COLEÇÃO É UMA carta de amor À CIDADE QUE MOLDOU minha visão DISCRETA AO LONGO do tempo. GIORGIO ARMANI

Sem reduzir a importância do prêt-à-porter, ele analisa que a alta-costura é a expressão perfeita dessa mentalidade, ainda que seja elitista. “Devemos entender e defender a ideia de que a beleza não tem prazo de validade e que

You’re reading a preview, subscribe to read more.

More from L'OFFICIEL BRASIL

L'OFFICIEL BRASIL3 min read
Força Ativa
Se, antes da pandemia, praticar atividades físicas fazia parte da rotina de muita gente, com o fim do distanciamento social colocar o corpo em movimento entrou no radar de um número muito maior de pessoas. E na hora de conciliar as agendas, uma roupa
L'OFFICIEL BRASIL5 min read
No balanço DAS ONDAS
O sol destaca os relevos do litoral do sul da Bahia, em Trancoso, de forma singular. Das falésias enormes, sólidas e coloridas, na praia de Taípe, à vegetação que cobre a praia dos Coqueiros, toda a orla é cercada por areia macia, branca e piscinas n
L'OFFICIEL BRASIL3 min read
Lei do RETORNO
Com a moda olhando fortemente para a transição dos anos 1990 para os 2000, parece muito fácil reviver uma marca que fez sucesso naquela época. Bastaria retomar o nome, reeditar itens de sucesso e ir atrás de embaixadoras de estilo que façam sentido c

Related